Feliciano revela que deu opinião sobre Moro ao Antagonista e não foi publicado

continua após a propaganda

Em uma entrevista por meio de live em 5 plataformas, Oswaldo Eustáquio pergunta o que o Marco Feliciano achou da saída do Moro, e então ele dá a opinião dele, e no rolar da conversa, ele revela que o site Antagonista (que se diz não ter lado politico) pediu ao Feliciano para enviar um artigo sobre sua opinião da saída de Moro, entretanto, o Antagonista não publicou a opinião de Feliciano no site.

Feliciano então revela que enviou mais uma mensagem para o Antagonista para saber se ele iria publicar a matéria ou não, e falou: “Dantas, eu não estou entendendo, só tem gente falando a favor, precisa colocar uma pessoa que é contra, porque isso é democracia, e vocês sempre me deram oportunidade.” revelou em seguida que não obteve resposta do Antagonista.

Marco Feliciano então enviou a sua matéria sobre sua opinião a Mônica, da Folha de São Paulo e, curiosamente ela fez a matéria e publicou no site da folha de S. Paulo.

Então, em entrevista, Marco Feliciano fala a opinião dele sobre a saída do ex ministro Sérgio Moro; Feliciano revela que deu opinião

“Eu esperava de qualquer outra pessoa o que está acontecendo hoje, menos do Sérgio Moro, primeiro que eu respeito ele, e ele sempre foi o meu herói.”

Marco Feliciano revela que sente que o Moro deixou de ser juiz e virou político a partir do momento que ele deixou de ser juiz no Paraná, “e de fato aposentou a corda e se transformou em um político.” disse Feliciano, e ainda acrescentou: “Hoje ele tem a mente de um político, ele enxerga como um político, ele fala como um político. Sérgio Moro hoje mostrou que não é um soldado confiável.” finalizou.

Marco ainda diz que o Sérgio Moro deveria ter saído de fininho, como fez o ex ministro da saúde, Mandetta. “O soldado nos abandonou no meio da guerra.” acrescentou ele a sua fala. Feliciano revela que deu opinião

Oswaldo então pergunta a Marco Feliciano o que ele acha da denúncia do Sérgio Moro e das suas possíveis provas contra o Bolsonaro, então Feliciano revela:

“Eu fico aqui pensando, o que ficou mais estranho na fala do Sérgio Moro, foi que ele se tornou um rel confesso, no possível crime de prevaricação. Porque veja só, se ele afirma que desde agosto estava havendo uma situação ilegal e ele não fez nada, no mínimo ele prevaricou, ou prevaricou ou está mentindo, ai fica a pergunta: mentindo porque, para que? de qualquer maneira, o que ele falou terá que ser provado, e só há uma maneira de ele provar isso, se ele tiver grampeado o presidente Jair Messias Bolsonaro.” disse na entrevista. Feliciano revela que deu opinião

Eles também falaram sobre o caso Adélio, e revela: “Alguém fez corpo mole” pois o caso não teve mais investigações.

E Oswaldo Eustáquio fala: “Eu sou um jornalista investigativo, tenho 10 anos de experiência, eu sei investigar. Em 60 dias, eu já teria um relatório completo de tudo que aconteceu, e em 60 dias eu já teria indices do mandante do crime.” e então perguntou: “Porque a polícia federal com todo aparato não fez isso?” Feliciano revela que deu opinião

Fez mais uma pergunta: “Porque a polícia federal de Sérgio Moro, do Valeixo estava sendo seletiva em algumas questões?”  –  “Ninguém aqui está para desfazer da Marielle ou comparar um caso com o outro, ou dizendo que o caso de Marielle é menos importante, mas eu acho que as duas questões deveriam ter o mesmo peso.” e completou:

“Se a polícia federal tivesse investigado o caso Adélio como investigou o caso Marielle, já teria achado o mandate do crime.” finalizou.

Marco Feliciano fala que Moro foi anti patriota, e acha que ele fez isso pensando numa possível candidatura em 2022. E continua a entrevista por mais uma hora e quarenta minutos. Você pode conferir a live completa aqui: Feliciano revela que deu opinião

Notícias para você

Fique ligado! Receba conteúdos exclusivos para você