Categorias: NOTÍCIAS

Governo do Estado assina contrato de R$ 197 milhões em recursos anuais para Osid

Para garantir a oferta de serviços ambulatoriais e hospitalares para os baianos, o governador Rui Costa assinou novo contrato com as Obras Sociais Irmã Dulce (Osid), nesta sexta-feira (1°), garantido 197,6 milhões anuais para a entidade filantrópica. O recurso contempla a oferta de 727 leitos para a Central Estadual de Regulação em diversas especialidades, além de leitos de UTI adulto e pediátrico.

“Conseguimos encontrar os caminhos para viabilizar um aumento bastante razoável do contrato com as Obras Irmã Dulce, buscando um equilíbrio entre receita e despesa dessa instituição que é extremamente importante para auxiliar a rede estadual de saúde de assistência hospitalar. Além dessa ampliação do valor do contrato, o Governo do Estado se comprometeu em realizar as ampliações físicas necessárias para aumentar a oferta de serviços de alta complexidade aqui no hospital”, destacou o governador.

Segundo a titular da Secretaria da Saúde do Estado (Sesab), Adélia Pinheiro, “diante do aumento progressivo dos custos operacionais das entidades filantrópicas, redução do investimento federal em entidades de ensino, a ausência de reajuste federal da tabela SUS, bem como a necessidade de manter e ampliar a prestação de serviços de saúde, o Governo do Estado realizará um aporte adicional de até R$ 19,4 milhões, totalizando os R$ 197 milhões, contribuindo, decisivamente, para a manutenção da oferta de serviços da Osid”.

Para a superintendente das Obras Sociais Irmã Dulce, Maria Rita Pontes, o apoio do Governo do Estado ajuda a instituição a respirar e a buscar fôlego para continuar na luta. “Com esse contrato, ganhamos ânimo e esperança para resolver as nossas pendências. A luta continua, principalmente nesse momento de alta da inflação, mas com o apoio estadual vamos ultrapassar essas dificuldades com mais tranquilidade”, destacou.

“Comentamos com o governador sobre essas necessidades e ele, com muita sensibilidade, garantiu a sala de ressonância, para implantarmos o equipamento que já adquirimos, e o hospital dos olhos, obra de muita importância e também de alta complexidade”, disse Maria Rita.

(Manu Dias/GOVBA)

(Manu Dias/GOVBA)

(Manu Dias/GOVBA)

Um Osid

A instituição, que atende anualmente 2,9 milhões de pessoas, conta com 21 núcleos, 20 deles no Largo de Roma, na Cidade Baixa, em Salvador. No outro núcleo, a Osid mantém o Centro Educacional Santo Antônio (CESA), uma escola em tempo integral, com foco na qualidade do ensino básico que atende mais de 800 crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

Atualmente, a entidade filantrópica abriga um dos maiores complexos de saúde 100% SUS do país, com cerca de 3,5 milhões de procedimentos ambulatoriais por ano a usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), idosos, pessoas com deficiência e com deformidades craniofaciais, pacientes sociais, pessoas em situação de rua, usuários de substâncias psicoativas e crianças e adolescentes em situação de risco social.

Publicações recentes

Nike proíbe nomes de Lula, Bolsonaro e ‘mito’ na camisa da Seleção

Os novos uniformes da seleção brasileira para a Copa do Mundo de 2022 no Catar…

3 horas atrás

Semana começa com chuva e frio em São Paulo

A segunda semana de agosto será mais fria em São Paulo, prevê o Instituto Nacional…

3 horas atrás

Após render guardas, 35 presos ligados ao PCC fogem

Ao menos 35 presos ligados à facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC) renderam os…

3 horas atrás

‘Minha família é humana’, diz filha de Will sobre agressão

Willow Smith, filha mais velha do ator Will Smith, falou pela primeira vez sobre o…

3 horas atrás

Em alta, golpes virtuais entram na mira do crime organizado

Impulsionada pela maior presença digital da população por causa da pandemia e pela agilidade das…

3 horas atrás

Olivia Newton-John morre aos 73 anos

Morreu, na manhã desta segunda-feira, a atriz e cantora Olivia Newton-John, aos 73 anos. De…

3 horas atrás